quarta-feira, 10 de março de 2010

A mi me gustan las chicas sencillas

A mi me gustan las chicas simples

39 comentários:

Patrícia disse...

Sencillas. :)

Já agora ficava tudo em espanhol... Simples = sencillas

Marta disse...

Tão gira!
Adoro o cabelo, em primeiro lugar.
O look está perfeito e, como referido, simples.
Adorei.

PésAzuis disse...

Muito bonita, com um sorriso cativante! Belo click!

O Alfaiate Lisboeta disse...

obrigado Patrícia. alteração feita

Sara Quaresma Capitão disse...

Adoro o estilo...
"Less is more", Mies van der Rohe.

Zuza disse...

nice one :)

matilde disse...

adoro o cabelo dela. aqui está uma boa prova que o "simples", é fantástico!

Síndrome dos Trinta disse...

Sem dúvida, a simplicidade é fotogénica!

hebdomadarius disse...

E nós também!

EL disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
EL disse...

não sei se essa foto foi tirada hoje, mas achei engraçado porque usei um 'traje' muito muito semelhante! :)

Inez disse...

Estava a achar tudo lindo. O preto com um toquezinho de branco, o comprimento do casaco, a manga dobrada... Até chegar aos pés. Não gosto das botas. Uggs é uma coisa que me faz mal ao estômago... Mas foto muito boa, como sempre (:

MG disse...

También me gusta :)

Joaquim Ribeiro disse...

a mim também. se forem todas assim :).

A. disse...

engraçado é o efeito "alfaiate" que criaste no cenário, lá atrás. A malta tá toda a posar! :)

Dulce Alves disse...

Eu até costumo dizer com frequência que "antes muerta que sencilla" (título de um sucesso musical latino) mas hoje dou a mão à palmatória... Há excepções e esta rapariga é disso prova. Só não consigo gostar do calçado... :$

Anónimo disse...

Eu gosto de tudo, calcado incluído...:) Abraços Andre B

Li disse...

à excepção das botas.. essa rapariga está vestida exactamente como eu estou hoje! :) por isso, é claro que gosto ;)

C. disse...

afinal de contas , a modalisboa começa hoje nao e verdade ?

Mariana disse...

Esta foto ficava bem num catálogo de moda! Pela modelo e pelos "figurantes", que tb fazem toda a diferença.

Este blog está cada vez melhor!

Anónimo disse...

Acho que as pessoas não se medem pelo que vestem. A sociedade é bastante injusta perante aqueles que não têm possibilidades de estar na moda, ter estilo ou ser fashion. Uma pessoa para ser bonita acima de tudo tem de ter interior, e as pessoas confundem muito as imagens, as aparências, as roupas, os acessórios, os penteados, para as colar imediatamente à beleza e ao encanto do ser humano. Assim estamos a glorificar a futilidade.
Não conheço o autor do blog, mas já vi que é muito popular e incansavelmente elogiado. Também adoro as fotos, os textos, mas falta essência e algum humanismo. Acho que quem é conhecido e tem atenção de muitas pessoas perante o que faz, tem de possuir consciência social.

O Alfaiate Lisboeta disse...

caro anónimo,

este blog é o que é. sem pretensiosismos, sem pompa, sem merdas. pessoalmente acho que de um blog trapos não se poderia esperar mais humanismo ou essência. mas isto claro, é apenas o que eu acho. mais, não sou conhecido nem tenho mais atenção do que qualquer outro anónimo. tenho uma vida normal, um trabalho normal e sou, basicamente, um tipo muito normal. e este blog também não pretende ser nada de anormal. é o que é. não creio é que lhe falte "essência e algum humanismo". mas respeito. estranho...mas respeito

Helena disse...

Simplicidade sim e também qualquer coisa de "bon chic bon genre".

Isabel I disse...

Também aqui entrei de pé atrás. Também fui mandando recadinhos de vez em quando. Também achei que... e que... Mas o que é facto é que volto sempre, que comento sempre, que as fotos ou os textos às vezes, ou um ou outro comentário passaram a fazer parte dos meus dias e há às vezes um brilhozinho nos olhos e um calor no coração. Porque lá dizia o Poetinha "...beleza é fundamental"! Toda a beleza, qualquer beleza, até a beleza do seu comentário hnónimo das 15.59. Volte mais vezes. Vai ver que nem tudo é tão sencillo. Isabel I ( convalescente de uns furinhos na barriga por causa de umas horrorosas pedras, mas bem disposta)

Patty disse...

Que engraçado! Durante alguns anos repeti para mim própria "Mais vale ser que parecer", o que desculpava a falta de estilo, de frescura, o enorme cansaço.
Percebi finalmente que tenho que estar bem comigo, por dentro mas sem dúvida também por fora. E que estar "o melhor que sei" é também um acto de respeito, por mim e pelos outros.
E o que me encanta neste blog é exactamente o seu autor fotografar e valorizar pessoas que, muito mais que bem ou mal vestidas, estão nitidamente bem consigo próprias.
Se isso não é consciência social nos dias que correm...

Anónimo disse...

Ó amónio, a vida também é feita de futilidades. Ou acha mesmo que aqueles que procuram a cura contra o cancro não fazem mais nada na vida? O autor deste blog, não estando no Haiti a prestar auxílio às vítimas, será importante na vida de alguém. A mim distrai-me quando preciso de quebrar a rotina e não lhe exijo mais do que isso, pois o seu propósito é claro e é pessoal. Afinal, não obriga ninguém a passar por aqui.

O blogue chama-se "O Alfaiate Lisboeta". No alfaiate tiram-se medidas, escolhem-se tecidos e fazem-se fatos por medida. Já viu conceito mais personalizado do que este?

Quer mais humanismo? Vá ler Erasmo de Roterdão. Mas depois passe por cá, para desanuviar a cabeça.

Vá lá resolver isso e não nos moa com aforismos bacocos.

CV

Anónimo disse...

(Alfaiate, uma sugestão: que tal fotografar outras zonas da cidade, tirar medidas às modas de subúrbio? Aquelas que florescem na mistura da falta de meios com a absorção de culturas diversas. Não acho que falte dimensão humana ao blog, mas sinto falta disto...

CV

A'Catarina disse...

Não tenho jeito para fazer textos, passo para dizer que acho alguns comentarios injustos e ADORO o blog. Visitei uma vez e fiquei fã. Continue, bom trabalho aqui no Blog. Parabéns

A'Catarina disse...

Não tenho jeito para fazer textos, passo para dizer que acho alguns comentarios injustos e ADORO o blog. Visitei uma vez e fiquei fã. Continue, bom trabalho aqui no Blog. Parabéns

johnnybaz disse...

Como se diz muito em Espanha : "Antes muerta, que Sencilla". Nao deixa de ser ironico e ao mesmo tempo engracado que o titulo seja em espanhol e com estas palavras.
Cumprimentos para o Alfaiate.

O Alfaiate Lisboeta disse...

interessante johnnybaz=)

Cv, percebo o que diz. o que se passa é que a esmagadora maioria destas fotos são tiradas durante o fim-de-semana (que é quando tenho oportunidade de o fazer). e as zonas que mais vezes aparecem retratadas neste blogue são precisamente as poucas zonas da cidade que não estão desertas ao fim-de-semana. e depois, o objectivo é que o blogue seja um complemento à minha vida pessoal e não que faça dela escrava

Obrigado pelo feedback!

Anónimo disse...

Fair enough.

CV

Patrícia disse...

E esta, hein? A simplicidade deu o que falar! :)
Só prova que não é preciso muito para se estar bem Muito bom, Alfaiate!

António Prates disse...

A simplicidade tem sempre um lugar elevado… Naturalmente… Bem hajam as coisas simples!

bom fim de semana

Elena disse...

si, una chica sencilla, me gusta el look, menos es más.

saludos

Anónimo disse...

Esta crítica da falta de "consciência social" fez-me esboçar um sorriso... É engraçado que se revirmos as fotos, percebemos que são retratadas pessoas dos mais variados estratos sociais... até um pastor (dos a sério, não da IURD) foi fotografado! a beleza e a harmonia podem ser transmitidas de muitas formas diferentes, não é verdade?

Anónimo disse...

Um pouco tardiamente, aqui fica o link do vídeo da discórdia...=)

http://www.youtube.com/watch?v=qd0Zd6BHOyQ

Sara

Isilda disse...

As botas estragam o visual dela!

samuel disse...

Boas tardes. Sou o anónimo que teceu o comentário da falta de essência e humanismo social no dia 11 de Mar de 2010 15:59:00. Lamento não ter feito passar correctamente a mensagem que pretendia, também não tinha intenção de passar por anónimo, tenho nome, chamo-me Samuel Simões.
Existem problemas graves na sociedade actual relacionados com a necessidade de aparência exterior, fazendo as pessoas esquecerem a verdadeira essência do ser humano. A criação artística tem um papel social importante, a fotografia é uma arte. Formalmente o blog esta fascinante, demonstra que o autor tem bom gosto. Por ser seguidor, pretendi dar uma opinião. O autor, sem eu esperar, respondeu-me.
Obrigado a quem comentou a minha opinião. Talvez por snobismo gostava de dizer que por acaso já li o Erasmo de Roterdão, mas não quero pregar nenhum tipo de evangelismo filosófico, longe disso. Irei certamente seguir o blog e mostra-lo aos meus amigos e amigas que gostem destes temas.