segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Uma senhora ali no Rossio

Uma senhora ali no Rossio

29 comentários:

Juanna disse...

Gosto muito. Aprecio pessoas que, mesmo avançando na idade, ainda se cuidam nos detalhes.

Isabel Da Rocha disse...

Gosto muitíssimo!!

Vanda disse...

Uma Senhora toda elegante!!!Gostei!

Anónimo disse...

Wow.

Não há muito que dizer.

Lauren@Styleseer disse...

Beautiful lady!

Anónimo disse...

Finalmente uma senhora ali do Rossio.

Sx disse...

adorei

Laura Brasinha disse...

Perfeita! Quero ser assim mesmo quando for grande.

Anónimo disse...

Não sei quem é que gosta de casacos de pele a não ser que sejam falsos mas pronto ;) futeizinhos fofinhos =)

Anónimo disse...

Se o casaco é de pêlo verdadeiro, não consigo gostar.

Rita

Pedro disse...

Esta é mesmo aquela foto que questiono "como terá sido a abordagem?"

Anónimo disse...

Too much...
PP

Pericles Pinto disse...

Está muito bem arranjada, sim senhor!

Fiquei curioso com o saco onde se consegue ler "Largo da Graça 134". Suponho que é de uma loja chamada Saga...

Engraçado que eu também fiz ontem um post com raparigas de outros tempos... Post a ler aqui /

Anónimo disse...

Sim, o casaco é de pêlo verdadeiro.

As pessoas quando envelhecem continuam iguais ao que eram quando jovens, a não ser que alguma doença/trauma as modifique, portanto, se se arranjava quando era nova, continua a arranjar-se quando for velha. As pessoas não deixam de ser o que eram com a velhice.

A Vida da Cinderela de Saltos Altos disse...

Muito elegante!

Anónimo disse...

Que senhora mais engraçada! prova que lá por ter mais anos de vida pode-se ser elegante e extravagante!

Gabriela disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Gabriela disse...

Ze, hoje vi um homem de meia idade. Elegantissimo, maravilhoso. Entre castanhos e bordeaux. Com uns botins de pele castanha com uma presilha bronze. Ia de bicicleta, uma bicicleta igualmente elegante. Pode ser que, estando em lisboa, ainda o vejas por aí hoje. Fazes com que pense em ti quando vejo pessoas assim, situações assim.
O chapéu da senhora... Lindíssima!

DN disse...

que senhora!

montalvar disse...

Fiquei contente ao verificar que neste blog não se publicam só fotos de pessoas lindas, elegantes, modernas, tipo anúncio de telemóvel. Este retrato enobrece o seu fotógrafo e demonstra que para se ser distinto não é necessário submeter-se a cirurgias horrorosas e pavonear-se com "roupinha de marca" (esta mensagem é especialmente dirigida às Lili Caneças, Cinhas Jardins e outras senhoras da nossa socialitezinha)

Raquel disse...

Apesar de achar que este blog segue uma tendência invariavelmente queque, rendo-me a esta foto.

Marisa disse...

quando for grande quero ser assim!

Anónimo disse...

Está fantástica, quando for grande quero ser assim.
Parabéns pelo seu trabalho.

Posh Totty disse...

Linda!

Joana Cruz disse...

Simplesmente Fantástica!
Gosto especialmente de pessoas mais velhas com a preocupação de se arranjarem e de estarem bem com elas próprias, isso nota-se aqui!

http://my-little-red-dress.blogspot.pt/

Ana Cristina Milheiro disse...

Um raio de luz!!!

A Senhora tem um "ar" amoroso!!!

Gostei muitoooo!

Cris

Bete Canha disse...

Sou leitora assídua e fiel d'"O Alfaiate de Lisboa". Em todos os seus artigos, sempre encontrei algo de novo, algo que me fizesse sorrir e até mesmo reflectir. Admirei fotos lindas! Desde Crianças, Mães com os seus filhos, Grávidas, Senhores "já vividos", já para não falar na abundância de jovens - mulheres e homens - que nos fazem desejar reinvidicar os anos passados mas guardando o que já conseguimos. Por cada artigo que lia e relia (porque é o que apetece fazer), ficava a olhar as fotos e perguntava-me: "Mas este miúdo tem alguma coisa contra as senhoras gordinhas e com "alguma experiência de vida?" (Abomino adjectivos como: meia-idade, idade avançada, entradota ou, mesmo, velhinha!...).
Mas NÃOOOOO! Eis que hoje deparo-me com uma linda senhora, "bem posta" - como diria a minha querida avó - em todo o seu esplendor. Aposto mesmo que fez inveja a certos olhares mais jovens! E...por favor, vamos fazer de conta que o casaco é mesmo "fake"! No seu tempo, ainda não havia a mentalização que há hoje para essas questões de fundo e esta linda modelo só optimizou o que lhe foi ensinado, em jovem, sobre postura e compustura em sociedade.
OBRIGADA, "Alfaiate de Lisboa" por não me fazeres sentir segregada!
Adorei!
Sempre atenta,
Bete Canha

Anónimo disse...

Já aqui referiram que o casaco é de pêlo verdadeiro, se assim é, tal como a foto seguinte, não consigo gostar, acho de mau gosto e com tantas alternativas não compreendo porquê ter de esfolar vários animais para poder usar um casaco. Não são falsos moralismos e sei que muita gente não se incomoda com estas "questões" que consideram menores quando se fala de "estilo". Felizmente, mesmo no mundo do mundo da moda começa a aparecer quem tenha outro tipo de consciência, stella maccartney, etc. e felizmente já nem todos apreciam este tipo de indumentária e o que ela acarreta. Ana Sofia, Oeiras.

Anónimo disse...

Finalmente (em anos de leitura) uma pessoa com VOLUME.

Devias faze lo mais vezes.