quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Shunnoz & Tekasala

Shunnoz & Tekasala

Às vezes perguntam-me por quanto mais tempo me imagino a fazer isto. Quanto mais tempo me imagino com pachorra para abordar gente aqui e ali. E sempre digo que haverá um dia em que por isto, aquilo e um monte de motivos mais deixará de ter sentido para mim assinar isto. Não sei quando virá esse dia (nem o vislumbro no horizonte) mas, volta e meia, alguém me lembra porque é que não o sinto aproximar. Foi isso que o Shunnoz e o Tekasala me fizeram sentir na passada sexta-feira. Fizeram-me sentir que, quando temos por objecto toda a humanidade (ou, pelo menos, a pequena amostra que o destino nos oferece), dificilmente arriscamos o fastio. Porque quando saio de mim e me esforço por distanciar de tudo isto dou-me conta do número de idiomas, acentos, localizações geográficas, credos religiosos, ampla diversidade cultural e visual que cada uma destas pessoas me oferece. E quando vamos visitar uns amigos a Alfragide e damos de caras com o Shunnoz e o Tekasala há algo que se torna evidente. Torna-se evidente que tão cedo não me farto disto


[esta publicação pode também ser vista aqui]

41 comentários:

Pericles Pinto disse...

Isto sim! Isto é originalidade e irreverência. Isto é criatividade (com um piscar de olho às tradições).

Estes dois estão demais!!!

Clica aqui e vai até ao Muito suave

Nota: Qualquer semelhança entre isto e pôr um cobertor aos ombros é mera coincidência. ;)

Dani disse...

Ainda bem que não te fartas, porque nós também não!

Continua o ótimo trabalho e a presentear nos com um bocadinho de arte e inspirção! Obrigada pelas fotos que partilhas connosco.

cacaucaramelo.blogspot.pt

zavi disse...

ainda bem que não se deixa disto. Porque são os seus olhos que vêem o que tantas vezes ignoramos.

zavi disse...

Ainda bem que não se deixa disto. Porque são os seus olhos que vêem o que tantas vezes ignoramos.

Parabéns por esta fotografia. É perfeita. Como eles.

Vanessa disse...

que maravilha! adoro isto :)

lisbonlove disse...

Algo se passa em Alfragide. Algo muito bom :-)

O que eu gosto de ver machos sem medo de cores panos e afins!

Anónimo disse...

Que cores fantásticas, que contrastes, que mistura, que coragem. Grande fotografia. É bom ver pessoas diferentes. Não, não desista JC sff. Obrigado :))

Isabel I disse...

Por estas e por outras é que volto sempre aqui!

Tenchy Tolón disse...

Amo a irreverência!
Sff, caro Blogger não abandone, vc não é apenas um artista, vc é um ser humano belíssimo.

Tenchy Tolón disse...

Amo a irreverência!
Sff, caro Bloguer não abandone, vc não é apenas um artista, vc é um ser humano belíssimo.

Vanda disse...

Nao so es um EXCELENTE fortografo, como tambem um excelente contador the istorias! Adoro ver & ler o teu trabalho!
Well done Alfaite!

kisses vanda

Manuela Simões disse...

Há gente para tudo, realmente!!!

http://modanosapatinho.blogspot.pt/

Lauren@Styleseer disse...

Fabulous!

Anónimo disse...

adorei.....adorei...peter pan....

Helena disse...

Em Alfragide, hem?! Quem diria!
Haja alguém que salpique a nossa habitual tendência cinzentona.

Pipa T disse...

Imaginei que esta foto fossecem Paris... Nc Alfragide :)
O lenço rosa é lindo. Têm os dois uma pinta brutal

Anónimo disse...

Ainda bem que não te fartas tão cedo, porque nós também não!
[As sobreposições estão mesmo na moda!]

maria madeira disse...

Adorei! Fiquei a olhar para a foto alguns minutos. Era espectacular ver mais pessoas na rua assim. Somos uns cinzentões.

Mas parece que já estou a ver o povo portuga, como de costume, a apontar o dedo e a gozar com o que é diferente. Enfim!

Diogo Torres disse...

Great colors
http://fabulouslifeofdiogotorres.blogspot.com/

Ana disse...

Eles são designers de moda angolanos. Já apresentaram uma colecção cá na ModaLisboa.

http://youtu.be/1BBYbgLT7Ts

Luísa Martins disse...

que bom que nao te cansas.
eu tambem nao.

L.

Anónimo disse...

A arte de bem vestir...capulanas.

Zé nunca pares.

SG

Vespinha disse...

Enquanto conseguires captar imagens destas não desistas. Porque só assim também as poderemos ver.

Zé Carlos disse...

Caro José,

Há uns anos quando trabalhava como consultor aqui em Luanda, estava a trabalhar na implementação de um grande projecto num banco e uma das vezes cruzei-me com o Shunnoz numa agência do dito banco. Fiquei muitos minutos a abservar a sua vestimenta irreverente mas elegante. Lembra-me que chegou ao banco numa Lambretta e trazia um fato elegante num tom claro, sapatos castanhos e camisa branca, o que gostei mais: um parafuso e uma porca a fazer de botão de punho.

Esta dupla é super famosa aqui em Angola precisamente pelo seu amor ao risco, o que alguns preferem chamar de irreverência.

Um abraço.

Anónimo disse...

great job!

Nem tudo Freud explica disse...

Muito bom!

O estilo deles assemelha-se ao dos "sapeur" do Congo.

straphalariolistblogspot.com disse...

Men also can wear color and be sthylish.

WTFSTREETSTYLE disse...

Olá, estive a ver o teu blog e adorei :) esta fantastico por isso gostava que desses uma espreitadela no meu e me digas o que achas

wtfstreetstyle.blogspot.pt

bjs obg e não se esqueçam de o seguir xoxo WTF! STREET STYLE!

Simplesmente Sorri. disse...

http://www.youtube.com/watch?v=2KXRhc9ksnw

Adoro a originalidade das pessoas fotografas!

Garimpeiro da Web disse...

Muito chique estas roupas, melhor do que os trapos que eu uso!

Cássia Catapirra disse...

Adorei o post e a foto é perfeita. O Blog está de parabéns, muito original e adorável, nao me canso de ler todas as matérias. Obrigado por partilhar tudo isso! bjinhos

Bi S.Cardoso disse...

Mais uma vez tentou "despir" a personagem(S)com muita classe. Nesta foto, mais do que a originalidade, ela reflete a irreverência, a transgressão. E é exactamente por essas abordagem especial que eu compreendo o que quis transmitir no seu texto. Esta sua paixão comparo-a ao prazer duma viagem. Transporta-nos para outras realidades, outras latitudes, faz-nos sonhar, viver momentos únicos que ficam para sempre guardados na nossa memória. Obriga-nos a "construir pontes e atravessar fronteiras". Enfim, percebemos que não estamos sós no Mundo, mas o nosso modo de vida, o nosso trabalho, o nosso quotidiano, dependem unicamente de nós. Tal como alguém um dia disse - "A diferença entre uma paisagem e outra pode ser mínima, mas há uma enorme diferença entre os que as observam".

deverasoriginal disse...

Originalidade não lhes falta! Muito bom mesmo, acho que se me cruza-se com estes dois na rua não ia conseguir parar de rir...

http://deverasoriginal.blogspot.pt/

Jef disse...

Enquanto nos for presenteando com imagens destas nós não nos vamos cansar de aplaudir! Bravo! Amei.

Sofia Santos disse...

A criatividade não tem limite ;)
Fantástico

Alexe Gonçalves disse...

Zé,

Essa dupla de estilistas faz furor e veio revolucionar a Moda em Angola!
Muito bem retratados pela tua objectiva!

Beijinhos,
Alexandra Gonçalves

Anónimo disse...

haha adoro

Rita Guerra disse...

fiquei vidrada nesta foto! fantásticos! cores e estilo! beijinhos e continua o bom trabalho :)

Anónimo disse...

Ze, ja nao comentava nem via o blogue a um tempinho, sim tempinho, eheeheh...mas nao posso deixar de dizer que ...atonishing, amazing and stylish, this guys!! I adoreee!!
(nao te fartes ja..mais um tempinho, ok?);)

Di Santos disse...

Granda cenário!Já ganharam!

Di Santos disse...

Granda cenário!Já ganharam!